Capriche nas lembranças: dicas de câmeras acessíveis para fotografar viagens de moto

Capriche nas lembranças: dicas de câmeras acessíveis para fotografar viagens de moto

Você planejou cada detalhe da sua viagem, percorreu lugares incríveis e viveu momentos inesquecíveis que ficarão guardados para sempre na sua memória. Ao voltar para casa, no entanto, você percebe que as fotos que tirou durante a viagem estão tremidas, escuras ou não conseguem passar a real beleza dos lugares que visitou. Nesta hora é que você lembra que se tivesse investido em um equipamento fotográfico legal poderia ter uma lembrança muito mais completa do seu passeio para compartilhar com seus amigos, filhos, netos e por aí vai.

Escolher a câmera ideal exige uma dose de estudo sobre as possibilidades e também acerca daquilo que você deseja fotografar. Como somos apaixonados moto, fomos pesquisar quais equipamentos são mais indicados para fotografar quando o assunto são as viagens sobre duas rodas.

Para facilitar a explicação e te ajudar a escolher o melhor modelo para o que você busca, separamos esse post em dois tipos de câmera: câmeras de ação e câmeras digitais. Preparado conhecer um pouco cada uma delas?

Câmeras de ação

As câmeras de ação, como o nome sugere, são perfeitas para fotografar esportes e outras atividades que envolvam movimento. A líder desse segmento é a Gopro, que lançou no mês passado o modelo Hero 8 Black, que possui um sistema de estabilização aprimorado e grava vídeos na resolução 4K a 60 fps ou em HD (1080p) a 240 fps. Essa câmera ainda não chegou no Brasil, mas nos EUA está custando US$ 399. A expectativa é que, quando chegar por aqui, o valor dela esteja na casa dos R$ 2,6 mil.

Ainda falando de lançamentos, outra ótima opção para fazer registros incríveis é a GoPro Max, que possui duas lentes e grava vídeos e fotos em 360°. Esse modelo, no entanto, ainda não tem previsão de lançamento no Brasil. Nos Estados Unidos, ela será vendida por US$ 499.

Se você deseja uma câmera de ação, mas não quer investir um valor muito alto, pode ficar tranquilo. Há ótimas alternativas e nós as apresentaremos a seguir. A primeira possibilidade é escolher um modelo da GoPro mais antigo, já que em função dos novos lançamentos essas câmeras acabam sendo comercializadas por valores reduzidos. Além disso, há marcas como a Xiaomi, que conseguem entregar um resultado muito parecido com o da GoPro e com um valor bem mais acessível. Em uma rápida pesquisa, é possível Sony Cyber-Shot. Com um valor bastante acessível – na casa de R$ 500,00 – essas câmeras possuem funções bastante automatizadas e podem fazer um registro fiel e bonito da sua viagem.

Se você quer investir um pouco mais e buscar um melhor resultado, pode comprar uma Canon Power Shot SX530 HS, que possui uma gama maior de opções manuais e conta com conexão sem fio, para que você consiga passar suas fotos diretamente da câmera para o celular, por exemplo.

Para finalizar, vamos às câmeras profissionais. Nesses modelos, um dos grandes diferenciais é a possibilidade de trocar a lente de acordo com a foto que você busca. Em situações que você está distante do objeto e quer mostrar detalhes, por exemplo, você pode usar uma lente teleobjetiva, enquanto em fotografias de paisagens pode usar uma lente grande. Os modelos de entrada dessas câmeras das marcas Nikon e Canon são os mais populares, mas a Sony também possui ótimas câmeras profissionais para iniciantes.

Nesses casos, é legal você fazer um curso básico de fotografia para entender as funções da câmera. Apesar do esforço e do investimento maior, o resultado pode ser recompensador a longo prazo.

Gostou desse conteúdo e quer comprar uma moto nova para sair bem na foto na sua próxima viagem? Entre em contato conosco. Se você acha que entendemos um pouco sobre fotografia, vai se surpreender quando descobrir o quanto nós entendemos de moto.